Buscar

Você sofre, conhece ou já sofreu de pernas cansadas?

Sensação de fadiga e desconforto nos membros inferiores, assim como câimbras nas pernas podem ser um alerta para problemas de circulação



A síndrome de pernas cansadas consiste em uma sensação de desconforto e fadiga que ocorre em uma ou ambas as pernas, geralmente nos períodos da tarde e noite, com episódios diários ou muito frequentes ao longo de semanas ou até meses e que, em geral, o indivíduo não associa a uma causa clara, como um exercício físico rigoroso, por exemplo.

Segundo o Dr. Diego de Almeida, angiologista, a condição pode estar associada a sobrecargas no trabalho, excesso de peso, doenças ortopédicas e reumatológicas – como fibromialgia, por exemplo – mas é muito frequente em doenças circulatórias. “Nestes casos, as dores nas pernas podem ter basicamente dois motivos: circulação arterial deficiente ou problema no retorno do sangue venoso (a volta do sangue da periferia do corpo até o coração)”, explica o especialista.

Quando há uma deficiência na circulação arterial, o principal sintoma é cãibra nas pernas, principalmente durante a prática de exercícios físicos. Já quando o problema é venoso, a sensação de peso, cansaço e pernas inchadas é comum. Às vezes, também ocorre formigamento ou dormência devido ao inchaço.

Fique atento!

“O ponto principal, tanto para prevenir quanto para melhorar as pernas cansadas, é detectar e tratar a causa do problema. Por exemplo, algumas pessoas que trabalham na mesma posição por muito tempo desenvolvem varizes nas pernas e testemunham dores, inchaços e a sensação de cansaço, que evoluem gradativamente ao longo do dia. Nestes casos, o uso de meias elásticas de compressão e medicamentos específicos prescritos por médico angiologista ou cirurgião vascular, associado com alterações dos hábitos diários, como, realizar pausas compensatórias a cada duas horas, mudando de posição ou realizando caminhada curta, de no máximo cinco minutos, tendem a ter resultados muito benéficos”, acrescenta Dr. Diego.

Quando a pessoa não procura tratamento e persiste com os fatores de risco, as doenças que causam a perna cansada podem se agravar e resultar em complicações como tromboses venosas ou arteriais, embolias, linfedemas crônicos, inflamações crônicas de pele, as vezes até com abertura de úlceras e, em situações mais graves, tem-se até mesmo o risco de perda de membro!

Em casos mais graves, além de varizes, o indivíduo pode desenvolver obstrução das artérias das pernas, o que pode ocorrer principalmente em decorrência do tabagismo. “Portanto, abandonar o cigarro é essencial”, reforça o especialista.

O médico alerta que a prevenção e o diagnóstico precoce sempre são a melhor estratégia para evitar problemas maiores no futuro. Na Magistral é possível encontrar diversos tipos de meias de compressão e manipular os remédios necessários para manter a circulação em dia!

Como cada pessoa é única seu tratamento deve ser personalizado, medicamentos orais e/ou tópicos geralmente são prescritos pelos médicos.


Entre em contato com a Magistral e faça um orçamento.

#manipulaçãocomcarinho

33 visualizações
  • whatsapp_edited
  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon

Rua Professora Rosa Saporski, 200 - Mercês | Curitiba - Paraná